Aziume


Adulto de chupeta

Comunidades online de regressão infantil encontram conforto usando objetos como fralda, brinquedo e mamadeira.

Adulto de chupeta

“Eu me achava uma aberração. Vivia sem saber que existiam pessoas como eu”, conta Sarah* adepta da regressão infantil.

Segue o fio e saiba mais sobre o assunto

Adulto de chupeta

Freud explica (ou tenta explicar). A age regression (regressão de idade) é um mecanismo de defesa do ego que causa uma reversão temporária ou de longo prazo a um estágio anterior de desenvolvimento, fazendo com que a pessoa evite lidar com impulsos de maneira adulta.

Qual o sentimento após uma regressão?

Para Sarah*, 27, que mora sozinha em Vitória (ES), o processo dá forças para se voltar à realidade. “Depois de sair do meu mundinho cor-de-rosa, fico recuperada”, diz.

“É um hobby, não é algo de que necessito”, afirma Moon Queiroz, 21, formada em pedagogia e influencer no TikTok, com mais de 119 mil seguidores. Moon gosta de definir a age regression como uma forma de meditação.

Adulto de chupeta

Thiago Luis Ferreira, 22, mantém uma rotina de regressão e em seu canal no YouTube fala sobre ageplay — prática fetichista mais frequente, de caráter sexual, em que há encenações nas quais um indivíduo se comporta ou trata outra pessoa como se tivesse outra idade.

Adulto de chupeta

Os “littles” — como são denominados os adeptos da regressão infantil — têm se organizado em uma comunidade que está repercutindo no Brasil pelo TikTok e no Instagram.

Adulto de chupeta

Os termos usados pelos membros são em inglês: big age (idade adulta); little age (idade para qual regridem, que é definida a partir da observação de interesses); caregiver (cuidador); little (pessoa que regride); little space (espaço mental em que entram quando regridem)

A psiquiatra Miriam Gorender, professora associada da UFBA (Universidade Federal da Bahia), afirma que a regressão não é uma prática validada como terapia, mas é inofensiva.

“Eu não impediria que um paciente regredisse, desde que, caso ele precise, isso não o impeça de fazer um tratamento que a gente saiba que tem efeito”, afirma a psiquiatra Miriam Gorender.

Os littles sonham com um mundo onde a regressão seja “normalizada” e liberta de preconceitos. “Seria legal se a gente pudesse regredir num parque ou na praia”, comenta Moon.

Adulto de chupeta

Alguns nomes foram trocados a pedido dos entrevistados.


guest
2 Comentários
newest
oldest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Sla

Nossa amei super legal!!! ❤️

Last edited 1 mês atrás by Sla
Carlos

Eu vejo isso sinto uma vergonha tão grande

Copyright © 2021 Aziume | Blog de humor!
0
Faça um comentário sobre o post!x
()
x