O primeiro encontro nunca pode ser no sábado

O primeiro encontro nunca pode ser no sábado

Ah, a sábia sabedoria dos relacionamentos amorosos! Dizem por aí que o primeiro encontro nunca deve ser no sábado, porque se der errado, vai estragar o fim de semana inteiro. E quem quer começar a segunda-feira com ressaca de um encontro desastroso?

Imagina só a cena: lá está o casal, com aquele friozinho na barriga, se preparando para o tão aguardado primeiro encontro. Mas então, um deles tem um insight genial: “E se a coisa der errado? Melhor não arriscar no sábado, senão vamos passar o domingo inteiro remoendo nossos arrependimentos.”

E é assim que o primeiro encontro acaba sendo marcado para uma terça-feira qualquer, quando o mundo está menos agitado e as expectativas estão no mínimo um pouco mais realistas. “Nada como um encontro às terças para manter os pés no chão”, eles pensam, enquanto se preparam para o grande dia.

E mesmo que o encontro não seja exatamente o conto de fadas que eles esperavam, pelo menos não estragou o tão esperado fim de semana. Eles podem voltar para casa na terça-feira à noite, refletir sobre suas experiências e, quem sabe, já planejar o próximo encontro para um sábado, agora que sabem o que esperar.

É a arte de encontrar o equilíbrio entre romance e pragmatismo, entre a emoção do primeiro encontro e a realidade da vida cotidiana. E se tem uma coisa que os brasileiros sabem fazer bem, é encontrar humor até nas situações mais inusitadas da vida amorosa!

Então, da próxima vez que você estiver marcando um primeiro encontro, lembre-se: sábado pode ser o dia perfeito para um filme ou um jantar romântico, mas talvez seja melhor deixar os encontros para os dias úteis. Afinal, quem precisa de um final de semana arruinado quando se pode ter uma terça-feira cheia de surpresas?

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Rolar para cima