Uma mulher que tava imaginando

Uma mulher que tava imaginando

Ah, a imaginação fértil de uma mulher apaixonada é algo digno de estudo, né? Ela conheceu o cara faz dois dias e já tá lá, imaginando ele pagando todas as contas dela do mês inteiro! É tipo ganhar na loteria, só que em forma de crush.

Ela se pega lá, pensando: “Imagina só, eu toda plena, com o cartão do rapaz ao meu dispor, pagando as contas como quem mata a sede num oásis no deserto!” É o sonho de toda mulher: um boy magia que não só faz o coração bater mais forte, mas também alivia o bolso.

Mas claro, a realidade é um balde de água fria nessa fantasia. Aí ela lembra que, além de dividir as contas, também teria que dividir o controle remoto da TV, a última fatia de pizza e, pior ainda, o lado da cama. É, parece que o preço é alto demais!

Então, ela volta pra terra firme e pensa: “Bom, se ele não vai pagar as contas, pelo menos que seja bom de beijo!” E assim segue a vida, com a imaginação correndo solta, mas os pés bem fincados no chão da realidade. Afinal, sonhar é bom, mas pagar as contas também não é tão ruim assim, né?

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Rolar para cima